Gilberto Stone

Textos

ALTINO CELESTE, O ASTRONAUTA

Altino Celeste, por destino ou coincidência, foi o nome de batismo que seus pais lhe deram.
Menino sempre muito estudioso das ciências era fascinado pelos mistérios do universo. Decidiu especializar-se nos conhecimentos de astronáutica. Aprofundou-se de tal maneira que orientado por seus colegas de escola e por seus pais inscreveu-se em um concurso cujo o prêmio maior o candidato poderia participar do aprimoramento de seus estudos junto a Nasa. Pra sua própria surpresa e de todos Altino foi classificado.
No dia do embarque para os Estados Unidos toda a comunidade onde ele vivia festejou o acontecimento com fogos de artifício e até com banda de música honrada por ter em sua localidade um personagem tão ilustre.
Na Nasa se destacou de tal forma que foi convidado, juntamente com outros colegas, para fazer parte de uma missão espacial ao planeta Marte.
Já no espaço há 4 dias ele não se cansava de contemplar as maravilhas diante dos seus olhos quando subitamente um dos seus colegas constatou uma avaria mecânica do lado externo da nave. Corajosamente o nosso astronauta prontificou-se a resolver o problema.
Quando estava prestes a concluir o conserto, o cabo que o prendia a nave se desprendeu. Nosso herói devido a sua paixão pelo universo não se amedrontou. Pensou:” Melhor estar aqui fora do que ficar lá dentro.” Assim eu me sinto muito mais integrado ao cosmos.” Assim entregou-se ao prazer de flutuar no espaço, virando cambalhotas como um menino e num delirante êxtase mantinha a esperança de poder tocar  as estrelas.
Altino quase realizou nossos sonhos de crianças.

Gilberto Stone
Enviado por Gilberto Stone em 22/01/2020


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras